Nem tudo que treme é doença de Parkinson!

8 de novembro de 2019 by Bio House Terapias0
parkinson-1200x939.jpg

Nem tudo que treme é doença de Parkinson!

Uma parcela relativamente grande da população desenvolve algum tipo de tremor em determinados momentos da vida.

As causas são inúmeras vão desde a doença de Parkinson aos distúrbios da glândula tireoide, passado pela ansiedade, o tremor essencial, a abstinência alcoólica, disfunção hepática, entre outros.

O tremor é definido como um movimento involuntário rítmico que pode acometer qualquer articulação do corpo e pode variar de intensidade durante o dia, sendo comumente pior em momentos de estresse e desaparecendo geralmente com o sono.

O diagnóstico correto é realizado pelo médico neurologista  e envolve avaliação do perfil do paciente em sexo, idade, outras doenças e hábitos de vida aliados ao olhar clínico do especialista para identificação do tipo de tremor.

parkinson

Por ser um movimento rítmico em torno de determinada articulação, o tremor pode ser dividido algumas formas básicas:

– Tremor de repouso: é o pior quando paciente está parado e relaxado e melhora quando o paciente utiliza o membro afetado com baixa frequência, mas com a amplitude pode ser alta. É o tremor característico da doença de Parkinson.
– Tremor de ação: este é o tipo de tremor mais comum e está divido em tremor postural, em que o paciente apresenta o tremor quando assume determinada postura exemplo quando estende braço ou perna. E o tremor cinético, que ocorre durante determinado movimento ao tentar levar talher com alimento até boca.
– Tremor essencial: é de origem genética e geralmente não apresenta outros sintomas neurológicos, apenas tremor podendo iniciasse em qualquer faixa etária de idade e pode ter predominância de sintomas em um dos hemisférios do corpo.
– Tremor distal: proeminente nas mãos e mais intenso ao esticar os brancos e difere do Parkinson, que treme mais com o membro em repouso.

Como é o Tratamento para o Tremor?

Existem várias propostas terapêuticas para o tratamento dos tremores, a maioria pautada em medicamentos de uso contínuo; associado à atividade física, acompanhamento nutricional e sessões de fisioterapia.

Como é Vida diária de uma Pessoa acometida pelo Tremor?

A grande maioria dos acometidos pelo tremor consegue levar uma vida normal e com baixa taxa de progressão para doença de Parkinson, patologia raríssima antes dos 65 anos de idade.

“Direitos reservados ao autor do Texto. Não pode ser reproduzido sem o devido crédito parcial ou integral.”


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


Você profissional de uma das seguintes áreas venha ser um franqueado: fonoaudiologia, fisioterapia, nutrição, psicologia e terapia ocupacional.

Notícias Recentes

Copyright BiohouseTerapias 2019. Todos os direitos reservados